CADASTRO     ATUAL    ANTERIORES    NOTÍCIAS     PESQUISA     PROFLETRAS

TEORIA DO CONHECIMENTO NA FILOSOFIA DE SARTRE

José Alan da Silva Pereira

D.O.I.: 10.13115/2236-1499.2014v1n13p81

Resumo


 

Este artigo trará uma compreensão acerca da teoria do conhecimento a partir do pensamento de Sartre, compreendendo sua produção filosófica e literária, corporificada no romance A Náusea, e em alguns ensaios de filosofia como O Ser e o Nada e A Transcendência do Ego. Pretende-se então dar conta da possibilidade do conhecimento humano a partir de um diálogo entre a literatura e a filosofia deste pensador contemporâneo, estabelecendo uma ponte com outros pensadores da teoria do conhecimento.

 

PALAVRAS-CHAVE: teoria do conhecimento, literatura, filosofia.

Abstract:

This article will present an understanding of the theory of knowledge, which is in the thought of Sartre from his literary production, embodied in the novel Nausea, until his philosophical production, specifically the philosophy paper The Transcendence of the Ego. Aim is then to account for the possibility of human knowledge from a dialogue between literature and philosophy of this contemporary thinker.

KEYWORDS: theory of knowledge, literature, philosophy.


 

Texto completo:

                 PDF

Referências

BORNHEIM, Gerd. Sartre: metafísica e existencialismo. São Paulo: Perspectiva, 2007.

DANTO, Arthur C. As ideias de Sartre. Trad. de James Amado. São Paulo: Editora Cultrix,1975.

FIGUEIREDO, Vinícius. Kant e a crítica da razão pura. 2ª ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2010.

HESSEN, Johannes. Teoria do Conhecimento. Trad. João Vergílio Gallerani Cuter. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

LIMA, Walter Matias de. Lições sobre Sartre. Maceió: EDUFAL, 2009.

LUIJPEN, Wilheumus Antonius Maria. Introdução à fenomenologia existencial. Trad. Carlos Lopes Mattos. São Paulo: EPU, Ed. Universidade de São Paulo, 1973.

MOUNIER, Emmanuel. Introdução aos existencialismos. Trad. de João Bernard da Costa. São Paulo: Duas Cidades, 1963.

PINTO, Débora Morato [et Al.]. Ensaios sobre filosofia francesa contemporânea. São Paulo: Alameda, 2009.

SARTRE, Jean-Paul. A náusea. Trad. de Rita Braga. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2006.

____. Diário de Uma Guerra Estranha: Setembro de 1939 – Março de 1940. Trad. Aulyde Soares Rodrigues e Guilherme João de Freitas Teixeira. 2ª ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2005.

____. A Transcendência do Ego. Trad. João Batista Kreusch. Petrópolis, RJ: Vozes, 2013.

____. O Existencialismo é um Humanismo. Trad. de Rita Correia Guedes. 3ª ed. São Paulo: Nova Cultural, 1987.

____.  O Ser e o Nada: ensaio de ontologia fenomenológica. Trad. de Paulo Perdigão. 14ª ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 1997.