CADASTRO     ATUAL    ANTERIORES    NOTÍCIAS     PESQUISA     PROFLETRAS

uma experiência durante a orientaçÃO da ProduçÃO Didático-Pedagógica no PDE NO ENSINO DE LÍngua portuguesa NA FORMAÇÃO CONTINUADA NO BRASIL

d.o.i. 10.13115/2236-1499v2n19p475

Jonathas de Paula Chaguri – UEM[1]

 

Resumo: Este texto objetiva apresentar uma experiência durante a orientação da Produção Didático-Pedagógica no Programa de Desenvolvimento Educacional (PDE), ao utilizar os gêneros discursivos como intervenção-pedagógica na área do ensino de língua portuguesa, realizado na Universidade Estadual do Paraná – UNESPAR, campus de Paranavaí, do Colegiado do Curso de Letras (Português/Inglês), entre 2012-2015. Como fundamentação teórica, apoiamo-nos no quadro teórico-metodológico do Interacionismo Sociodiscursivo (ISD) (DOLZ; NOVERRAZ & SCHNEUWLY, 2004), para fundamentar as reflexões sobre a Sequência Didática (SD) a partir da proposta de adaptação, orientada por Costa-Hübes (2009; 2011), que consiste na inserção de um módulo de reconhecimento do gênero antes da etapa de produção inicial em atividades e exercícios da SD. Fundamentou-se também nos estudos de Bakhtin (2006, 2003) acerca do trabalho com Gêneros Discursivos (GD). Os resultados demonstraram que o ensino de língua portuguesa baseado no uso de um gênero discursivo por meio da elaboração e aplicação de uma SD no PDE, viabiliza para a prática do professor-PDE, a clareza do conhecimento de características específicas dos diferentes gêneros para o desenvolvimento da competência comunicativa de seus interlocutores. Com isso, mostrou-se a diferença entre o velho ensino (redação) e o novo ensino (produção textual) como prática social.

Palavras-Chave: PDE; Gênero Discursivo; Língua Portuguesa

ABSTRACT: this text presents an experience during the Didactic-Educational Production orientation at the Educational Development Programme (EDP) in Brazil, using discursive genres as a pedagogical intervention in Portuguese language teaching. The intervention took place at the State University of Paraná - UNESPAR campus Paranavaí, Collegiate of Literature Course (Portuguese/English), between 2012/2015. The Socio-discursive Interactionism (SDI) (DOLZ; NOVERRAZ & SCHNEUWLY, 2004) provided the theoretical and methodological framework to support our reflections on the Didactic Sequence (DS) from the proposed alignment, guided by Costa-Hübes (2009; 2011), which consists of inserting a genre recognition module before the initial production stage in exercises and DS activities. Bakhtin’s studies (2006, 2003) concerning the work with Discourse Genres (DG) also underlay our work. Results showed that the teaching of Portuguese language based on discursive genre through the elaboration and application of DS enables to the practice of PDE teacher, the clarify of knowledge of specific characteristics of different, interesting genres for the development of communicative competence of their students. It also requires the knowledge of difference between the old teaching (based on writing) and the new one (based on text production from GD) as social practice.

Keywords: EDP ; Discourse Genre ; Portuguese Language


 

[1] Doutor em Educação pela Universidade Estadual de Maringá (PR).

 


Texto Completo:

PDF

Referências

AMOP. Associação dos Municípios do Oeste do Paraná. Currículo Básico para a Escola Pública Municipal: educação infantil e ensino fundamental – anos iniciais. Cascavel: ASSOESTE, 2007a.

____. Associação dos Municípios do Oeste do Paraná. In: COSTA-HÜBES, T. C (org.). Sequência Didática: uma proposta para o ensino da Língua Portuguesa nas séries iniciais. Cascavel: Assoeste, 2007b. (Caderno Pedagógico 01)

_____. Associação dos Municípios do Oeste do Paraná. In: COSTA-HÜBES, T. C; BAUMGÄRTNER, C. T. (orgs.). Sequência Didática: uma proposta para o ensino da Língua Portuguesa nas séries iniciais. Cascavel: Assoeste, 2007c. (Caderno Pedagógico 02)

_____. Associação dos Municípios do Oeste do Paraná.  In: COSTA-HÜBES, T. C; BAUMGARTNER, C. T. (orgs.). Sequência Didática: uma proposta para o ensino da Língua Portuguesa nos anos iniciais – ensino fundamental. Cascavel: Assoeste, 2009. (Caderno Pedagógico 03).

BAKTHIN, M. M. Marxismo e Filosofia da Linguagem. São Paulo: Hucitec, 2006. 

_____. Estética da Criação Verbal. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

COSTA-HÜBES, T. C. Por uma Concepção Sociointeracionista da Linguagem: orientações para o ensino da língua portuguesa. Línguas & Letras, Cascavel, v.--, nº. especial XIX CELLIP, versão on-line, 2011. Disponível on-line em: <http://e-revista.unioeste.br/index.php/linguaseletras/issue/view/407>. Acesso em 31 ago. 2016.

_____. Reflexões Linguísticas sobre Metodologia e Prática de Ensino em Língua Portuguesa. Confluência, Rio de Janeiro, v. 1, nº. 35, p. 129-146, 2009.

CRISTOVÃO, V. L. L. Desvendando Textos com a Interacionismo Sociodiscursivo. In: DESIDERATO ANTONIO, J; NAVARRO, P. (orgs.). O Texto como Objeto de Ensino, de Descrição Linguística, e de Análise Textual e Discursiva. Maringá: Eduem, 2009. p. 49-60.

DOLZ, J; NOVERRAZ, M; SCHNEUWLY, B. Sequências Didáticas para o Oral e a Escrita: apresentação de um Procedimento. In: ROJO, R; CORDEIRO, G. S. (orgs.). Gêneros Orais e Escritos na Escola. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2004. p. 81-108.

PARANÁ. Lei Complementar nº 130, de 14 de julho de 2010. Regulamenta o Programa de Desenvolvimento Educacional – PDE, instituído pela Lei Complementar nº 103/2004, que tem como objetivo oferecer Formação Continuada para o Professor da Rede Pública de Ensino do Paraná. Diário Oficial Paraná, Curitiba, PR, 14 jul. 2010a. Disponível on-line em: <http://www.legislacao.pr.gov.br/legislacao/pesquisarAto.do?action=exibir&codAto=656184&indice=1&totalRegistros=2>.Acesso em 06 set. 2016.

_____. Secretaria de Estado de Educação. Superintendência da Educação. Diretoria de Políticas e Programas Educacionais. Documento Síntese do PDE. Curitiba: SEED-PR, 2010b. Disponível on-line em: <http://www.legislacao.pr.gov.br/legislacao/pesquisarAto.do?action=exibir&codAto=56184&indice=1&totalRegistros=2>. Acesso em 06 de set. 2016.

_____. Secretaria de Estado de Educação. Programa de Desenvolvimento Educacional. Linhas de Estudo: língua portuguesa. Curitiba: SEED-PR/PDE, 2013. Disponível on-line em: <http://www.gestaoescolar.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/pde_roteiros/2013/le_lingua_portuguesa.pdf>. Acesso em 07 set. 2016.

SWIDERSKI, R. M. S; COSTA-HÜBES, T. C. Abordagem Sociointeracionista & Sequência Didática: relato de uma experiência. Línguas & Letras, Cascavel, v. 10, n. 18, p. 113-128, 2009.