CADASTRO     ATUAL    ANTERIORES    NOTÍCIAS     PESQUISA     PROFLETRAS

Fontes:

1. Memorial da Justiça de Pernambuco. Comarca do Recife. Processos Cíveis. Caixa n. 1176. Ano 1883.

2. Memorial da Justiça de Pernambuco. Comarca do Recife. Proc. Civ. [Inventário de um africano] Cx. 1223. Ano 1867.

3. Memorial da Justiça de Pernambuco. Comarca do Recife. Proc. Civ. [Ação de liberdade. Maria, africana.] Cx. 1161. Ano 1882-1885.

4. Memorial da Justiça de Pernambuco. Comarca do Recife. Proc. Civ. Cx. 1161. Ano 1882.

Sites eletrônicos:

1.http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/LIM/LIM2040.htm . Acessado em: 31, 07, 2016.

2. https://pt.wikipedia.org/wiki/Numera%C3%A7%C3%A3o_das_artes.  Acessado em: 26.07.2016

3.http://memoria.bn.br/DocReader/docreader.aspx?bib=029033_03&pasta=ano%20185&pesq=rua%20das%20creoulas. Acessado em: 15.09.2016.

4.http://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1824-1899/decreto-5135-13-novembro-1872-551577-publicacaooriginal-68112-pe.html. Acessado em: 25.09.2016.

5.http://www.suapesquisa.com/historiadobrasil/lei_ventre_livre.htm.Acessado em: 25.09.2016.

  Livros, revistas, dissertações e teses.

1.Código do Processo Criminal do Império. RJ: Empreza Nacional do Diárioa.2ª. Edição,1857.

2.DEL PRIORE, Mary e Renato Pinto. Ancestrais – uma introdução à História da África Atlântica. RJ: Campus, 2004.

3.FOUCAULT, Michel. Microfísica do Poder. RJ: Graal, 1979.

4.GORENDER, Jacob. A Escravidão Reabilitada. SP: Ática, 1990.

5.KARASCH, Mary. A vida dos escravos no Rio de Janeiro [1808-1850]SP: Cia. Das Letras,2000.

6.MATTOSO, Kátia M. De Queirós. Ser escravo no Brasil. SP: brasiliense, 1982.

7.MELLASSOUX, Claude. Antropologia da escravidão. RJ:Zahar, 1995.

8.MOURA, Clovis. Dicionário da escravidão negra no Brasil. SP: Edusp., 2004.

9.OLIVEIRA, Maria Inês Cortês de. O liberto: o seu mundo e os outros. Salvador: Corrupio, 1988.

10.REIS, João José e SILVA, Eduardo. Negociação e Conflito. SP: Cia. Das Letras, 1999.

SLENES,R. . Na Senzala Uma Flor. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1999.

11.Revista Afro-Ásia, v. 32. Salvador. CEAO, 2005.

12.SILVA, José Bento Rosa da. Caetanos & Caetanos: tradição oral e História[em preto & branco]. Itajaí [SC]: Ed.do autor, 2008.

13.TEIXEIRA, Luana. Comércio Interprovincial de escravos em Alagoas no Segundo Reinado. Recife: CFCH, Programa de Pós-Graduação em História, [Tese de Doutorado] 2016.

14.VEYNE, Paul. Como se escreve a História. Lisboa: Ed. 70, 1971.